Bases de segurança são alvejadas em Santo André e São Paulo

Na região metropolitana, ninguém foi atingido nem preso; na capital, criminosos foram perseguidos e presos

Pedro da Rocha e Priscila Trindade, da Central de Notícias,

09 Maio 2011 | 01h58

SÃO PAULO - Uma base da Guarda Civil Metropolitana de Santo André, no ABC paulista, e uma base da Polícia Militar, na região do Parque Novo Mundo, na zona norte de São Paulo, foram alvos de ataques criminosos na madrugada desta segunda-feira, 9.

 

Em Santo André, dois bandidos metralharam uma base da GCM, por volta de 1 hora, na Rua Coronel Celestino Henrique Fernandes, no bairro Vila Palmares. Ninguém se feriu. De acordo com a PM, os suspeitos estavam em uma moto. O guarda que estava dentro da base não foi atingido. O caso foi encaminhado para o 2.º DP da cidade. Ninguém foi preso.

 

Na capital paulista, dois homens em um carro passaram atirando contra a companhia da PM, na Avenida do Poeta, no Jardim Julieta, por volta da 1h30. Os tiros atingiram o prédio e um carro. A polícia perseguiu os criminosos e houve troca de tiros. Um dos suspeitos foi atingido na perna. Os dois foram presos. Uma pistola 9 mm foi apreendida com a dupla. O caso será registrado no 73º Distrito Policial.

 

Atualizado às 10h44

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.