Fabio Motta/Estadão
Fabio Motta/Estadão

Bando volta a explodir agência bancária no interior de São Paulo

Criminosos fugiram com o dinheiro; prédio da agência, em Cesário Lange, ficou destruído

José Maria Tomazela, O Estado de S. Paulo

04 Fevereiro 2015 | 16h12


SOROCABA - Um bando armado invadiu Cesário Lange, cidade de 15,5 mil habitantes, na região de Sorocaba, na madrugada desta quarta-feira, 4, e explodiu os três caixas automáticos de uma agência bancária. Os criminosos fugiram com o dinheiro. O prédio da agência ficou destruído e não há previsão para o banco reabrir. Com este, já são 26 ataques a bancos da região com explosivos desde o ano passado. Oito municípios estão com agências fechadas.

De acordo com a Polícia Militar, os bandidos chegaram em pelo menos dois carros e a primeira explosão destruiu a porta de entrada do prédio. Em seguida, moradores ouviram outras três explosões. Além dos caixas, todo o interior e a fachada da agência ficaram destruídos.

Quando a Polícia Militar chegou, os bandidos já tinham fugido em direção à rodovia Castelo Branco. Até a tarde, ninguém tinha sido preso. O valor roubado não foi divulgado.

Esse foi o quinto ataque a bancos da cidade nos últimos anos e o segundo em 2015. A outra agência, atacada em janeiro, continua fechada para reparos. Por causa das explosões, há bancos fechados também em Conchas, Pereiras, Guareí, Porangaba, Alambari e Sarapuí. 

Moradores de Torre de Pedra ficaram sem banco e são obrigados a viajar para outras cidades. A Secretaria da Segurança Pública informou que, no ano passado, 54 suspeitos de ataques a caixas foram presos na região. E que os novos casos estão sendo investigados.

Mais conteúdo sobre:
São PauloCesário Lange

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.