Bando faz arrastão em prédio de luxo em Sorocaba

Moradores e funcionários foram feitos reféns e ficaram amarrados com lacres de plástico; pelo menos 6 apartamentos foram saqueados

José Maria Tomazela, O Estado de S. Paulo

09 Setembro 2010 | 18h06

SOROCABA - Um bando armado com fuzis e pistolas invadiu um prédio de alto padrão nesta quinta, 9, em Sorocaba, e saqueou pelo menos seis apartamentos. Moradores e funcionários foram feitos reféns e ficaram amarrados com lacres de plástico durante quase duas horas, tempo que durou o assalto. De acordo com testemunhas, eram cerca de 15 homens.

 

Um dos ladrões tinha visitado o prédio, no Jardim Paulistano, próximo do centro, no início da semana, com o argumento de ver um apartamento que estava à venda. Hoje, ele voltou e foi reconhecido pelo porteiro, que o deixou entrar.

 

O bandido rendeu o porteiro e abriu o portão eletrônico para a entrada do bando. Os ladrões estavam atrás de dinheiro, joias e equipamentos eletrônicos, mas levaram também os celulares das vítimas. Os funcionários foram levados para o saguão, onde ficaram sob vigilância, enquanto os moradores eram imobilizados nos próprios apartamentos. O bando, que havia chegado em dois veículos, usou também alguns carros dos moradores para a fuga. Antes de sair do prédio, eles levaram o computador onde estavam armazenadas as imagens do circuito de segurança.

 

O delegado José Urban Filho, da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) acredita que os integrantes do bando são de outra cidade, provavelmente de São Paulo, pois não se preocuparam em cobrir os rostos. Até o final da tarde, não havia pistas dos assaltantes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.