Bando faz arrastão em drogaria na Lapa, zona oeste da capital

Maioria dos assaltantes era formada por adolescentes, que chegaram e fugiram em uma Kombi

Pedro da Rocha, do estadão.com.br,

19 de junho de 2012 | 03h30

SÃO PAULO - Um bando com cerca de 10 jovens, a maioria formada por supostos adolescentes com idades entre 16 e 17 anos, realizou um arrastão, no início da madrugada desta terça-feira, 19, no interior de uma unidade da Drogasil localizada na altura do nº 558 da Rua Doze de Outubro, na Lapa, zona oeste da capital paulista.

 

A grupo, segundo as vítimas, antes de entrar no estabelecimento, estacionou numa rua lateral uma Kombi velha, branca e com os vidros escurecidos. Foram rendidos na drogaria pelo menos três funcionários e três clientes - sendo dois homens e uma mulher. A central da drogaria, segundo os funcionários, não os autorizou a relatar o ocorrido dentro do estabelecimento. Já um dos clientes afirmou que os bandidos, com as mãos sob as blusas, afirmavam estar armados. Ainda, segundo o cliente, um monitor de computador instalado na drogaria foi roubado.

 

O valor em dinheiro levado do caixa não foi informado. Um radiocomunicador de um dos clientes e as chaves de dois carros - um Gol prata e um Celta branco - , também dos clientes e estacionados em frente à Drogasil, foram levadas pelos criminosos, que fugiram na Kombi. Como nenhum bandido foi preso, um representante do estabelecimento deve registrar boletim de ocorrência no 7º Distrito Policial, da Lapa, somente no decorrer desta terça-feira, 19.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.