Bando engravatado faz arrastão em Higienópolis

Vestidos com terno e gravata, seis homens dominaram o vigia do condomínio Emília Antonioli, em Higienópolis, região central de São Paulo, e assaltaram dois apartamentos do prédio, na noite de anteontem.

Camilla Haddad, O Estado de S.Paulo

12 de novembro de 2010 | 00h00

Os ladrões estavam armados com revólveres e ficaram por uma hora dentro do residencial, na Rua Pernambuco. Levaram dólares, euros e joias. Dois carros da quadrilha foram usados na fuga. Ninguém havia sido preso até a noite de ontem.

Quatro moradores foram trancados em uma sala de estar do prédio. Um morador que não quis se identificar contou que o bando se dividiu e entrou de duas maneiras: pela garagem e pela porta da frente.

O funcionário de um prédio ao lado disse que durante a ação a rua estava movimentada e moradores chegavam do trabalho. "Não desconfiei de nada."

Quinze dias antes, ladrões fizeram um arrastão em um prédio na Avenida Higienópolis, no mesmo bairro, Entre os objetos roubados estavam esmeraldas e um anel da Tiffany, avaliado em R$ 42,2 mil.

No caso de anteontem, quando a Polícia Militar chegou ao local, as vítimas não quiseram registrar ocorrência. O caso então foi passado para o delegado de plantão do 4.º Distrito Policial (Consolação), mas até a noite de ontem nenhum morador procurou a delegacia. Com o ataque de anteontem, chega a 20 o número de arrastões na capital paulista. Em todo o ano passado foram registrados 21 casos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.