REPRODUÇÃO
REPRODUÇÃO

Bandidos disfarçados de policiais roubam e explodem viatura em SP

Houve perseguição e tiroteio; grupo abandonou o carro e fugiu

Alexandre Hisayasu, O Estado de S. Paulo

15 Agosto 2016 | 21h19

Bandidos usando uniformes de grupos especiais da Polícia Civil roubaram uma viatura da Polícia Militar, em Mogi das Cruzes, na Grande São Paulo, nesta segunda-feira, 15. Houve tiroteio e, na fuga, os criminosos explodiram o veículo com dinamite. 

Segundo informações da PM, o roubo aconteceu por volta das 19h30. Os bandidos, disfarçados de policiais civis, tentaram roubar um carro-forte, mas se acidentaram. Uma viatura da PM parou para ajudar, pensando que fossem policiais civis e os militares acabaram rendidos. 

O comandante do 35º Batalhão de Itaquaquecetuba, major Felício Kamiyama, estava na viatura oficial, uma Fiat Siena, quando foi abordado pelos bandidos uniformizados. Eles usavam fuzis e não despertaram suspeitas. O oficial não foi ferido.

Na fuga, houve perseguição e tiroteio com PMs da cidade. Os bandidos seguiram sentido Mauá pelo Rodoanel, mas acabaram abandonando a viatura pouco depois de saírem cidade. Eles explodiram a viatura com dinamite.

O Estado teve acesso à comunicação feita entre os policiais durante a ocorrência. 

Policiais militares fizeram buscas na região, mas ninguém foi preso. O motivo do ataque será investigado pela Polícia Civil.

O caso será registrado no 2º DP de Mogi.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.