Bandido é preso após assaltar bar pela 2ª vez na zona norte da capital

Funcionária e 9 clientes foram feitos reféns durante arrastão; dois bandidos conseguiram fugir

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

29 de maio de 2012 | 04h37

SÃO PAULO - O assaltante Diego Moreira Carlos, de 23 anos, foi detido, no início da madrugada desta terça-feira, 29, após, com o auxílio de dois comparsas, realizar um arrastão no interior do bar Zero KM, localizado na Rua Maria Amália Lopes de Azevedo, 2.140, no Tremembé, zona norte da capital paulista.

 

Uma funcionária e nove clientes foram feitos reféns pelo trio, que, após recolher R$ 100,00 do caixa, dinheiro, celulares e carteiras das vítimas, fugiu em um Chevette bege, mesmo carro no qual os bandidos, que utilizavam supostas camisetas azuis da Viação Transcooper, chegaram.

 

Acionados, policiais militares do 43º Batalhão, localizaram o Chevette e detiveram o criminos numa travessa da Rua Ushikichi Kamiya, após Diego abandonar o carro e continuar a fuga a pé, mas, ao tropeçar, acabou caindo e foi alcançado pelos policiais militares. O outros dois bandidos, segundo Diego, foram deixados por ele em outro local antes do carro ser localizado pela viatura.

 

Parte do dinheiro e dos objetos roubados das vítimas e camisetas da Viação foram apreendidos pela PM. "O dono do bar nos disse que esse rapaz preso já participou de outro assalto ao mesmo estabelecimento neste ano. O chassi do Chevette aparentemete está adulterado, por isso o carro será periciado. Não sabemos ainda se ele é roubado.", afirmou o tenente Mello.

 

O caso foi registrado no 73º Distrito Policial, do Jaçanã.

Tudo o que sabemos sobre:
AssaltoTremembérouboarrastão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.