Baixa umidade deixa São Paulo em alerta

Toda a capital paulista entrou em estado de alerta no começo da tarde de ontem, quando o índice de umidade relativa do ar caiu para 18 %, segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE). A umidade do ar reduzida aumenta os níveis de dióxido de enxofre e material particulado, por causa das piores condições de dispersão. Com isso, surgem ou são agravadas doenças respiratórias, cardiovasculares e oculares.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.