Avião é obrigado a pousar em SP após crise de passageiro

Pouso transcorreu normalmente e, depois do desembarque, aeronave seguiu com o vôo a Brasília

Solange Spigliatti, estadao.com.br

03 de junho de 2008 | 14h48

O vôo JJ 3706 da TAM, que partiu por volta das 13 horas de segunda-feira, 2, do Aeroporto de Congonhas, na zona sul de São Paulo, em direção a Brasília, foi obrigado a pousar no Aeroporto Internacional de Cumbica, em Guarulhos, por conta de um "surto psicótico" de um dos passageiros. Este passageiro supostamente com problemas mentais foi retirado pela Polícia Federal após ter uma espécie de "surto" e quebrar uma lanterna dentro do avião com um chute.   Ao desembarcar em Cumbica, às 14h16, o passageiro foi levado por uma ambulância do aeroporto para o Hospital Municipal de Guarulhos, de acordo com a Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero). Segundo nota da TAM, o pouso transcorreu normalmente e, após o desembarque, a aeronave seguiu para a capital federal.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.