Avião desaparecido em SP caiu e explodiu, dizem bombeiros

Aeronave foi encontrada em mata de Santa Isabel; passageiros - dois adultos e uma criança - morreram

Fabiana Marchezi e Priscila Trindade, Central de Notícias

21 de setembro de 2009 | 14h52

Equipes do Corpo de Bombeiros localizaram por volta das 13h30 desta segunda-feira, 21, o monomotor que estava desaparecido cerca de três horas antes no município de Santa Isabel, Região Metropolitana de São Paulo. As três pessoas que estavam na aeronave morreram.

 

De acordo com os bombeiros, o avião caiu e explodiu, matando os três ocupantes - dois adultos e uma criança - carbonizados. A aeronave foi encontrada numa área de mata, no Morro Vista Verde, no bairro de Pouso Alegre. Pela manhã, um morador da região acionou o policiamento após ver um clarão.

 

O Comando da Aeronáutica informou que começou a investigar as causas da queda do monomotor, de prefixo PT-RYC, modelo Tupi. Os três corpos que estavam dentro do avião foram removidos nesta tarde. Cinco viaturas dos bombeiros ainda permanecem no local do acidente.

 

Segundo a Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero), o monomotor decolou do Aeroporto Professor Urbano Ernesto Stumpf, em São José dos Campos, por volta das 10 horas e deveria ter pousado no Aeroporto de São José do Rio Preto cerca de duas horas depois.

 

Atualizado às 19h19 para acréscimo de informações.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.