Epitácio Pessoa/Estadão
Epitácio Pessoa/Estadão

Velocidade cai para 50 km/h na Aricanduva e na Jacu-Pêssego

Justificativa da Prefeitura de São Paulo para redução de limite nas avenidas da zona leste é evitar acidentes e mortes de trânsito

Felipe Resk, O Estado de S. Paulo

08 Julho 2015 | 13h14

SÃO PAULO - A Prefeitura de São Paulo vai reduzir a velocidade máxima das Avenidas Jacu-Pêssego e Aricanduva, na zona leste da capital paulista, na primeira semana de agosto. O limite, que atualmente é de 60 km/h nas vias, passará a ser de 50 km/h a partir do próximo dia 3.

O anúncio da mudança foi feito pelo secretário municipal de Transportes, Jilmar Tatto, na manhã desta quarta-feira, 8, durante a apresentação de estudos da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) para redução da velocidade nas vias de São Paulo.

A justificativa da pasta é que a redução de velocidade é uma medida para evitar acidentes e mortes no trânsito. De acordo com os números da CET,  23 pessoas morreram na Jacu-Pêssego em 2014, vítimas de acidentes. Outras 221 pessoas ficaram feridas. A companhia não divulgou os dados da Avenida Aricanduva.

A alteração ocorrerá duas semanas após a velocidade nas Marginais ser reduzida de 90 km/h para 70 km/h na expressa; de 70 km/h para 60 km/h nas centrais; e de 70 km/h para 50 km/h nas locais. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.