Hélvio Romero/Estadão
Hélvio Romero/Estadão

Paulista vai ficar mais tempo fechada para veículos a partir de domingo

Com o horário de verão, Prefeitura de São Paulo anunciou que a via deve permanecer fechada até as 19 horas

Lígia Morais, Especial para O Estado

09 de novembro de 2016 | 17h19

A partir do próximo domingo, 13, o fechamento da Avenida Paulista para o trânsito de veículos será estendido em uma hora. Ciclistas e pedestres vão poder circular livremente pela via das 10 às 19 horas. A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) anunciou nesta quarta-feira, 9, que a medida deve valer durante o período do horário de verão, que se estende até o dia 21 de fevereiro. Até o último domingo, a operação na avenida se encerrava às 18 horas.

Aos domingos e feriados, a Avenida Paulista fica bloqueada entre a Praça Oswaldo Cruz e a Rua da Consolação. Como rotas alternativas, a CET indica para os motoristas que vão no sentido Paraíso o uso da Alameda Santos. Para quem vai na direção inversa, no sentido Consolação, é sugerido o tráfego pela Avenida Bernardino de Campos, Rua Treze de Maio, Rua Cincinato Braga, Rua São Carlos do Pinhal e Rua Antônio Carlos.

A CET recomenda a utilização do transporte público e alerta que a transposição do bloqueio da via é uma infração grave, que implica em cinco pontos na carteira de habilitação.

A abertura da Avenida Paulista para pedestres e ciclistas é parte do programa Ruas Abertas, da gestão Fernando Haddad (PT). A Prefeitura fechou a Paulista para carros pela primeira vez em junho de 2015, data em que foi inaugurada a ciclovia na avenida. Em outubro do ano passado, a Prefeitura tornou a medida permanente aos domingos e feriados. O prefeito eleito de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou que vai continuar com a iniciativa da gestão Haddad.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.