Aumento de pena para traficante ainda é polêmico

Na terça-feira, uma reunião final será realizada com o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, para definir a pena para os traficantes. A proposta é que a pena mínima passe de 3 para 5 anos, com a máxima permanecendo em até 15 anos.

O Estado de S.Paulo

26 Abril 2013 | 02h03

Na reunião de ontem, segundo o deputado Osmar Terra, o ministro Cardozo falou da sua preocupação com o aumento da pena mínima, alegando que o pequeno traficante poderá ficar preso por muito tempo, uma vez que é difícil distinguir o pequeno do grande. E ressaltou também a falta de vagas nas penitenciárias para os traficantes.

O Planalto também não é favorável ao aumento da pena para o tráfico de drogas, assim como o Ministério da Saúde. O deputado Osmar Terra ressalvou que o pequeno traficante não pode ser poupado, "porque ele também cria dependentes". /T.M.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.