Aumenta o movimento rumo ao interior e litoral de SP

Ainda não são registrados pontos de lentidão por causa do excesso de carros nas rodovias

Elvis Pereira, estadao.com.br

14 de novembro de 2007 | 16h48

Aumentou o movimento nas rodovias usadas no acesso ao interior e ao litoral paulista na tarde desta quarta-feira, 14, véspera de feriado prolongado da Proclamação da República. No entanto, por volta das 16 horas, ainda não eram registrados pontos de lentidão decorrentes do excesso de veículos em boa parte das vias, segundo as polícias Rodoviária Estadual e Federal.    Ao vivo: sistema Castelo Branco-Raposo Tavares  Ao vivo: sistema Anhangüera-Bandeirantes  Ao vivo: Rodovia Presidente Dutra  Ao vivo: estradas que dão acesso ao litoral  O que abre e o que fecha na capital durante o feriado   Na véspera do feriado, aeroportos têm movimento calmo  Chegada de frente fria deixa o tempo nublado durante o feriado   A Ecovias pretende adotar a operação Descida no Sistema Anchieta-Imigrantes, na qual o motorista pode usar sete pistas no sentido da Baixada Santista e três no sentido capital. Segundo a concessionária, entre meia-noite e 16 horas desta quarta, 28 mil veículos atravessaram o sistema rumo ao litoral, sendo 4,6 mil deles na última hora.   Quem seguia pela Régis Bittencourt se deparava com problemas apenas no sentido São Paulo, na altura do km 273, em Itapecerica da Serra. No trecho, uma das duas faixas da via ficará interditada até as 17 horas para a substituição de postes da rede elétrica. O bloqueio gerava cinco quilômetros de congestionamento.   A Presidente Dutra, que liga São Paulo ao Rio, acumulava dois pontos de morosidade: um na chegada à capital, entre os km 228 e 231, em razão do tráfego intenso; e outro em Guarulhos, do km 219 ao 221, no sentido Rio, por conta de uma colisão envolvendo uma carreta e um caminhão. O acidente ocorreu às 15h45 e não houve vítimas, de acordo com a NovaDutra. Às 16h10, o trecho já havia sido liberado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.