Atropelamento deixa dois mortos na SP-310 em Auriflama, no interior do Estado

Pedestre foi atingido ao tentar atravessar a pista; motorista bateu contra barranco e morreu

Ricardo Valota, O Estado de S.Paulo,

02 Agosto 2012 | 01h45

SÃO PAULO - Um atropelamento terminou com um saldo de dois mortos, por volta das 19 horas de quarta-feira, 1, na altura do quilômetro 558 da pista sentido capital da Rodovia Feliciano Sales de Cunha (SP-310) em Auriflama, região noroeste do Estado, a 570 quilômetros de São Paulo.

 

Segundo a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), Reginei Teodoro Souza, de 37 anos, foi atingido por uma picape Saveiro branca ao tentar atravessar a pista. Não há passarela na região segundo a polícia. Após atingir Souza, o motorista da Saveiro, identificado como José Aparecido Donato Zanoni, de 42 anos, perdeu o controle do veículo e chocou-se contra um barranco.

 

Souza morreu no local, já o condutor da Saveiro, que seguia para a cidade de General Salgado, ainda foi levado para a Santa Casa de Auriflama, mas não resistiu aos ferimentos e também morreu. O caso foi registrado no Distrito Policial de Auriflama.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.