Atropelador pode ter confundido vítima em casamento, diz polícia

Noivo que matou Rosa Maria estaria tentando atingir filho da vítima, achando que ele brigara em seu casamento

Elvis Pereira / JORNAL DA TARDE, O Estado de S.Paulo

19 de abril de 2011 | 00h00

"Passar em cima e chutar uma mulher de 57 anos que não tinha feito nada para eles... Só tentar socorrer o nosso filho." Esse foi o desabafo do taxista Nilson Florentino Alves, de 56 anos, ontem, após voltar do enterro da mulher, a auxiliar de enfermagem Rosa Maria Alves Leite. Ela morreu depois de ser atropelada, em Santo André, pelo vendedor Luiz Fernando Cerqueira, de 29, que tinha acabado de se casar e está preso.

Uma hipótese cogitada pela polícia é a de que o noivo tenha confundido Leonardo Florentino Alves, filho de 28 anos de Nilson e Rosa, com uma pessoa que se envolvera em uma briga em seu casamento.

Leonardo, sua noiva e os pais deixavam um dos dois salões do bufê Parmênion, onde transcorria a festa de casamento de uma prima sua, no bairro Campestre, na madrugada de anteontem. Ao receber seu Vectra do valet, deu pela falta de uma quantia em dinheiro. "Voltei para avisar o gerente do estacionamento. Virei e duas pessoas falaram: "Onde você pensa que vai?""

Um deles seria Luiz, que saira do salão vizinho. "Ele disse: "Você não vai a lugar nenhum. Está chamando a gente de bandido?"" Leonardo disse que tentou voltar para o carro, a fim de evitar confusão, mas foi puxado e, então, agredido. Seus pais desceram do carro para socorrer o filho. Em meio às agressões, segundo uma testemunha, Luiz entrou no Vectra da vítima e engatou a ré, prensando Rosa contra um Fiat Doblò. Luiz teria descido e a chutado. Rosa morreu no local.

Luiz fugiu em um Mercedes-Benz dirigido por sua mulher, que não teria visto a agressão. Horas depois, foi preso em flagrante em casa, por homicídio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.