Atirador segue sem previsão de transferência

O administrador de empresas Fernando Gouveia, de 33 anos, continua preso na carceragem do 31.º Distrito Policial (Vila Carrão), sem previsão de transferência para uma unidade psiquiátrica, de acordo com funcionários do local. Gouveia vai responder por tentativa de homicídio, depois de atirar contra seis pessoas, atingir três - um oficial de justiça, um enfermeiro e a própria companheira - na quinta-feira. O delegado que o interrogou, José Gonzaga Marques, afirmou, no entanto, que ele apresenta raciocínio lógico.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.