Associação critica lei e redução de pena

A diretora da Associação de Familiares e Amigos do Voo 1907, Rosane Gutjahr, afirma que a pena de 3 anos, 1 mês e 10 dias para os pilotos americanos Joseph Lepore e Jan Paul Paladino é "pouco, mas é o que a legislação brasileira permitiu fazer". "Eles não vão poder pilotar durante esse período. A FAA (agência americana) se recusa a cassar o brevê deles", disse. Em 29 de setembro de 2006, o jato Legacy, pilotado pelos americanos, bateu em um avião da Gol, que caiu e matou 154 pessoas.

O Estado de S.Paulo

17 Outubro 2012 | 03h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.