Assassino do cartunista Glauco deve ir a Goiás

Carlos Eduardo Sandfeld Nunes, de 28 anos, o Cadu, que em 2010 matou o cartunista Glauco Villas Boas e o filho dele, Raoni, pode ser transferido para um hospital psiquiátrico de Goiânia nos próximos dias. O rapaz cumpre pena de internação de três anos em hospital psiquiátrico em Foz do Iguaçu (PR). O crime ocorreu na casa do cartunista, em Osasco, na Grande São Paulo. Os advogados pediram que Cadu seja transferido sob o argumento de que seu pai, Carlos Grech Nunes, mora em Goiânia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.