Assassino de Sabotage começa a ser julgado

Começou às 15 horas de ontem no Fórum Criminal da Barra Funda, na zona oeste de São Paulo, o julgamento de Sirlei Menezes da Silva, acusado de matar o rapper Mauro Mateus dos Santos, o Sabotage, em janeiro de 2003. Após a prisão, ocorrida em dezembro de 2004, o réu disse à polícia que o crime foi motivado por uma disputa pelo tráfico de drogas na Favela da Paz, em Interlagos, na zona sul da capital. A expectativa era que o júri terminasse no final da noite ontem ou na madrugada de hoje.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.