Facebook/Reprodução
Facebook/Reprodução

Assalto a agência em plena luz do dia causa pânico no centro de Várzea Paulista

Durante a ação, criminosos fizeram disparos de fuzil e pistola para manter as pessoas afastadas

José Maria Tomazela, O Estado de S.Paulo

18 de dezembro de 2020 | 13h45

SOROCABA – Em plena luz do dia, oito homens armados invadiram uma agência da Caixa, no centro da cidade, renderam clientes e funcionários e fugiram levando o dinheiro, nesta sexta-feira, 18, em Várzea Paulista, interior de São Paulo. Durante a ação, os criminosos fizeram disparos de fuzil e pistola para manter as pessoas afastadas. O assalto aconteceu por volta das 11 horas, quando a região central estava com o comércio aberto e lotado de pessoas fazendo compras para o Natal. Houve pânico e correria, mas ninguém ficou ferido.

Conforme a Polícia Militar, o assalto aconteceu logo depois que um carro-forte deixou a agência, após recolher numerário. A PM acredita que o carro-forte seria o alvo dos ladrões, mas eles teriam chegado atrasados e decidiram roubar a agência. Os bandidos roubaram as armas de dois vigias, mandaram que as pessoas se deitassem e recolheram o dinheiro que estava nos caixas bancários. O conteúdo de alguns caixas eletrônicos também foi roubado, mas a polícia ainda não tinha informações sobre o montante levado.

A quadrilha fugiu em dois carros, em direção a Jundiaí. Os veículos foram encontrados, logo após a fuga, incendiados nas proximidades da cidade. A PM mobilizou um helicóptero na tentativa de cercar os ladrões. Até as 13 horas, nenhum suspeito tinha sido preso.

A mesma agência já havia sido assaltada no dia 26 de novembro último. Naquela ocasião, os criminosos renderam funcionários e fugiram levando cerca de R$ 600 mil. A Caixa informou que as informações sobre ações criminosas contra sua agências são passadas exclusivamente às autoridades policiais.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.