Assaltante é morto após ser perseguido por PM

Depois roubar um posto de gasolina com um comparsa, Givanildo José de Lima Siqueira Campos trocou tiros com policial que presenciou o crime

Pedro da Rocha, do estadão.com.br,

13 de setembro de 2011 | 06h01

SÃO PAULO - Um homem morreu, na noite de segunda-feira, 12, após assaltar um posto de gasolina, na Avenida Eulina, número 2113, na Vila Santa Maria, zona norte de São Paulo, e ser perseguido por um policial militar. O comparsa dele conseguiu fugir.

 

Givanildo José de Lima Siqueira Campos, de 43 anos, acompanhado de outro homem, roubou o posto e fugiu em um Volkswagen Fox cinza. O policial militar Valter Pereira Alves Junior, do 19º Batalhão, e seu pai, Valter Pereira Aves, Pm aposentado, que estavam à paisana no posto, seguiram a dupla até a Rua Ferraz de Vasconcelos, na Favela da Divinéia, onde ocorreu uma troca de tiros.

 

Givanildo foi baleado e, levado ao pronto socorro Vila Nova Cachoeirinha, veio a falecer. O caso será investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.