''As pessoas fazem você se sentir em casa''

Laura Rizzo, solista da ópera ''Rigoletto'', do italiano Giu- seppe Verdi

Diana Dantas, O Estado de S.Paulo

01 de agosto de 2010 | 00h00

É a quarta temporada em que a solista argentina Laura Rizzo interpreta Gilda na ópera Rigoletto, do italiano Giuseppe Verdi, que tem récitas até hoje no Teatro São Pedro. Apesar de ser a primeira vez que a Orquestra São Pedro monta o espetáculo, Laura já fez o papel mais de 50 vezes. "O primeiro que consegui quando comecei a cantar foi esse. É dos que mais gosto", diz.

Apesar das inúmeras interpretações de Gilda, ela teve dificuldades para dormir, mesmo cansada, logo após a estreia, na quarta-feira. "Não é nervosismo, é apenas adrenalina mesmo", justifica.

Gente e frutas. Sempre a trabalho, ela ainda não conseguiu fazer o turismo que gostaria por São Paulo. "Não saio muito quando venho, porque nessa profissão é preciso se cuidar." Mas não é por isso que Laura deixa de aproveitar a viagem. "O mais importante é conhecer as pessoas. Os brasileiros fazem você se sentir em casa." Laura também aprecia as iguarias tropicais, como feijoada e frutas, principalmente maracujá e papaia.

Como jantar sempre faz parte de qualquer viagem, ela elogia a gastronomia paulistana e até cita nomes de restaurantes famosos que gostou, como A Figueira e Massimo. "Agora quero conhecer o Famiglia Mancini", conta ela, que está hospedada na frente do estabelecimento.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.