As 'mammas' dão início hoje à maratona da Festa de San Gennaro, na Mooca

Fortunata Gajanigo, de 90 anos, trabalha 18h sem parar em um dia, mas diz não cansar de participar da Festa de San Gennaro. Dona Nata, como gosta de ser chamada, é voluntária desde a primeira edição da festa italiana da Mooca, zona leste, que inicia hoje a 38ª edição. "Só sinto cansaço quando deito na cama. Ela ficou muito grande desde que meu amor se foi", diz. Dona Nata é uma das 13 madrinhas da Paróquia San Gennaro. Juntas, são responsáveis pelos tradicionais pratos italianos, como macarronada, fogaça, polenta, pizza e o lanche de calabresa. São dez dias de festa, aos sábados e domingos, até 9 de outubro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.