Arrastão na orla de Santos termina com nove suspeitos detidos

Quatro adultos e cinco adolescentes teriam participado de roubos contra pelo menos 14 pessoas na madrugada deste sábado, 31

O Estado de S. Paulo

31 de outubro de 2015 | 18h14

SÃO PAULO - Um arrastão terminou com quatro homens presos e cinco adolescentes apreendidos na região do Gonzaga, em Santos, no litoral de São Paulo, na madrugada deste sábado, 31. Os ataques aconteceram na Avenida Presidente Wilsom, localizada à beira-mar, e fizeram ao menos 14 vítimas.

Policiais Militares foram acionados por volta das 3h20 para atender a ocorrência de roubo no local, onde encontraram oito vítimas. Aos policiais, elas afirmaram que foram cercadas por assaltantes que as ameaçavam e diziam estar armados. Os PMs encontraram mais seis vítimas depois. Elas tiveram celulares, documentos cartões e duas bicicletas roubadas.

Durante buscas, os policiais se depararam com quatro adolescentes que, ao avistarem os agentes, jogaram quatro bonés, que teriam sido roubados, no chão. Eles foram detidos e levados ao Núcleo de Atendimento Integrado (NAI), em Santos. Depois, os policiais militares em conjunto com a Guarda Civil Municipal ainda apreenderiam outro adolescente e prenderiam quatro rapazes.

Sob suspeita de praticarem o arrastão, foram presos Yago Henrique Costa Borges Nogueira, de 23 anos, Guilherme Queiroz Brito, de 22, Henrique dos Santos, de 24, e Anderson Oliveira Brito, de 18 anos. Eles foram levados para a cadeia pública do município e devem ser indiciados por roubos e associação criminosa.

Já entre os menores apreendidos, um tem 15 anos, outro tem 16 e os demais, 17. Um ajudante de 23 anos também foi encaminhado para delegacia para averiguação.  

Com os suspeitos, foram encontrados bonés, tênis, roupas, óculos de sol, quatro celulares e uma quantia de R$ 28. O material ficou apreendido na Delegacia Seccional de Santos, responsável pelo caso.

Tudo o que sabemos sobre:
ViolênciaSantosSão Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.