Ar-condicionado de aeroporto pifa no Rio de 37°C

No dia em que os termômetros no Rio atingiram 37°C, passageiros sofreram no Aeroporto Santos Dumont, no centro. O sistema de ar refrigerado pifou. Climatizadores e ventiladores foram espalhados em vários setores, mas não adiantou. O calor foi insuportável para quem circulou pelo aeroporto. Um defeito em uma peça provocou a paralisação do sistema central.

RIO, O Estado de S.Paulo

21 de dezembro de 2012 | 02h07

Em nota, a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) informou que "trabalha para reestabelecer o funcionamento do ar-condicionado do Santos Dumont o mais breve possível". Mas não fixou prazo.

Segundo a nota, o problema ocorreu em parte do sistema da central de água gelada. "Uma das peças já foi retificada e está sendo montada."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.