Apostadores perderam R$ 53,3 milhões

Em fevereiro, 35 apostadores perderam um prêmio de R$ 53,3 milhões da Mega-Sena após participarem de um bolão vitorioso da lotérica Esquina da Sorte, em Novo Hamburgo, no Rio Grande do Sul. O lotérico diz que uma funcionária teria esquecido de registrar a aposta com os números vencedores no sistema da Caixa.

, O Estado de S.Paulo

10 de julho de 2010 | 00h00

"E nós não damos o prêmio se não apresentarem o comprovante", explica o gerente nacional de canal parceiro lotérico da Caixa Econômica Federal, Antonio Carlos Barasuol. Resultado: cada jogador deixou de ganhar cerca de R$ 1,5 milhão.

Segundo a Caixa, o lotérico e a funcionária foram indiciados por estelionato. Eles também estão sendo processados pelos apostadores enganados. E o lotérico perdeu a permissão de comercializar os jogos, como a Mega-Sena. "Ele teve de fechar seu negócio, que geria havia cerca de 20 anos", diz Barasuol. "E ainda responde na Justiça pela ilegalidade de seus atos."

O caso motivou a Caixa a estudar a liberação do bolão. "Assim, evitaremos problemas como esse de Novo Hamburgo", espera Barasuol.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.