Aposentado é morto a tiros na porta de casa, em Sorocaba

Criminoso pede 'água para colocar no carro' antes de cometer o assassinato

RICARDO VALOTA, Estadão.com.br

29 Janeiro 2011 | 02h58

SÃO PAULO - O aposentado César Augusto Lopes, de 57 anos, foi morto com sete tiros por volta das 21 horas de sexta-feira, 28, na porta de casa, no Jardim Novo Eldorado, em Sorocaba, interior paulista.

O autor do crime estava armado com uma pistola e teria fugido a pé. Segundo a filha da vítima, o assassino tem aproximadamente 1,65 metro de estatura, usava boné azul e trajava uma camisa da mesma cor. Policiais militares foram acionados e encaminharam Lopes até a Santa Casa da cidade, mas ele não resistiu aos ferimentos e morreu.

Segundo a polícia, o criminoso chegou à porta da residência do aposentado solicitando um pouco de água para colocar no carro que estava parado próximo do local. Ao retornar com a água, a vítima foi baleada após ouvir do assassino a seguinte frase: "Chegou a tua hora". Acredita-se em crime premeditado motivado por alguma desavença pessoal. O caso foi registrado no plantão sul da Delegacia Seccional de Sorocaba.

Mais conteúdo sobre:
São Pauloviolênciacidades

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.