RENATO S. CERQUEIRA/FUTURA PRESS
RENATO S. CERQUEIRA/FUTURA PRESS

Após incêndio em avião, Congonhas registra atrasos e cancelamentos

Dos 62 voos previstos para ocorrer entre 6h e 9h no aeroporto, três não partiram no horário e quatro não ocorreram

Juliana Diógenes, O Estado de S.Paulo

23 Fevereiro 2017 | 09h12

SÃO PAULO - Após um incêndio em um avião da companhia Latam na noite desta quarta-feira, 22, o Aeroporto de Congonhas, na zona sul de São Paulo, registrou três voos cancelados nas primeiras horas desta quinta-feira, 23.

Dos 62 voos previstos para ocorrer entre 6 horas e 9 horas, três atrasaram e quatro tiveram cancelamento. A Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) não confirmou relação entre a situação atual do aeroporto e o episódio desta quarta.

Das 17h40, horário em que aconteceu o incidente, até 23 horas, horário de fechamento do aeroporto, foram registrados 19 voos atrasados e outros 28 cancelados.

Incêndio. Um avião que seguiria no voo JJ3264 com destino ao Aeroporto Internacional de Confins, na região metropolitana de Belo Horizonte, teve a decolagem abortada no fim da tarde de quarta. 

Segundo a Latam, o voo, com 134 passageiros e 6 tripulantes, partiria às 17h40 do local, quando houve o princípio de incêndio, forçando a interrupção da decolagem.

De acordo com a administração do aeroporto, o tráfego aéreo foi fechado para pousos e decolagens às 18h48 em razão da ocorrência. Às 21 horas, a aeronave já havia sido rebocada e os passageiros e tripulantes, desembarcados com segurança.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.