Após enchente, moradores bloqueiam via na zona norte de SP

Manifestação terminou às 12h30; moradores usaram objetos destruídos pelas inundações para bloquear estrada

Fabiana Marchezi,

27 Janeiro 2010 | 14h45

Cerca de 100 moradores do bairro Jardim Maristela, na zona norte de São Paulo, fecharam na manhã desta quarta-feira, 27, a Estrada Turística do Jaraguá, na altura do número 1.000, para protestar por conta dos prejuízos causados pelas enchentes de terça.

 

De acordo com a Polícia Militar, a manifestação começou às 10 horas e terminou às 12h30, depois que representantes da Subprefeitura de Pirituba prometerem uma reunião às 17h30, na sede do órgão. Os moradores usaram os objetos destruídos pelas inundações para bloquear uma das faixas da estrada, prejudicando o tráfego. A Rua Antônio Furquim Pedroso, uma das mais atingidas pela enchente, também foi bloqueada pelos manifestantes.

 

Jardim Pantanal

 

No Jardim Pantanal, zona leste de São Paulo, alagado mais uma vez com o temporal de terça, um grupo de 60 moradores iniciou um protesto nesta tarde, na sede da Subprefeitura de São Miguel Paulista. Os manifestantes afirmam que só sairão do gabinete do subprefeito quando suas reivindicações forem atendidas.

Mais conteúdo sobre:
Chuvas em SP enchentes

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.