Após desabamento, 9 casas são interditadas em São Paulo

Muro caiu sobre barraco e feriu duas crianças; mais 40 residências estão sendo vistoriadas pela Defesa Civil

Fabiana Marchezi, Central de Notícias

21 de setembro de 2009 | 13h13

A Defesa Civil interditou nove casas na manhã desta segunda-feira, 21, após o desabamento que deixou duas crianças feridas na Rua Pedro Aranha Pacheco, no Jardim Miriam, zona leste de São Paulo.

 

O desabamento aconteceu por volta das 7 horas, quando um muro atingiu o barraco. Uma das crianças, um menino de 1 ano, está internada em estado gravíssimo no Hospital Santa Marcelina, em Itaquera, segundo a Secretaria municipal da Saúde.

 

Outros 40 barracos da região estão sendo fiscalizados durante esta tarde. Todos estão instalados numa área de risco, às margens de um córrego. A Secretaria municipal de Assistência Social está cadastrando as famílias, que devem ser encaminhadas a abrigos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.