Divulgação
Divulgação

Após chuva, SP sofre com queda de árvores e falta de energia

Bairros Guarapiranga, Interlagos e Largo do Socorro, na zona sul, e regiões das cidades de Diadema e São Bernardo ficaram sem luz

Felipe Resk, O Estado de S. Paulo

12 Novembro 2015 | 13h07

SÃO PAULO - As fortes chuvas que atingiram a capital e a Grande São Paulo na tarde desta quarta-feira, 11, derrubaram árvores, bloquearam ruas e deixaram paulistas sem energia elétrica bairros da zona sul de São Paulo e cidades do ABC Paulista.

De acordo com levantamento do Corpo de Bombeiros, 73 árvores despencaram nas regiões atingidas pelas chuvas entre a tarde da quarta-feira e a manhã desta quinta, 12, mas não houve registro de feridos. Uma árvore de grande porte caiu na Avenida Sargento Geraldo Santana, em Interlagos, na zona sul da capital, e danificou a rede elétrica.

Segundo a AES Eletropaulo, a falta de luz provocada pelas chuvas impactou as regiões de Guarapiranga, Interlagos e Largo do Socorro, além das cidades de Diadema e São Bernardo do Campo, no ABC. A empresa, no entanto, não divulgou em seu site o número de pessoas atingidas pelos problemas no fornecimento de energia.

Na Estrada Cama Patente, em São Bernardo, uma árvore arrastou a fiação, postes e equipamentos. A Eletropaulo afirma que equipes trabalham para restabelecer a rede nas áreas afetadas. "Houve registro de granizo, raios e ventos de 55 km/h, de acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE)", diz, em nota.

Em sua conta do Twitter, a Prefeitura de São Paulo informa que uma árvore que caiu bloqueia uma faixa da Avenida das Nações Unidas, em Pinheiros, na zona oeste, no sentido Interlagos. Também há registro de quedas em Santo Amaro, Jabaquara e Capela do Socorro, na zona sul.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.