Após atropelamento, ônibus é queimado na zona leste de SP

Só o motorista e o cobrador estavam no veículo, que seguia para a garagem, e não se feriram

Laura Maia de Castro, O Estado de S. Paulo

09 Dezembro 2013 | 10h21

SÃO PAULO - Cerca de 40 pessoas atearam fogo em um ônibus e bloquearam a Avenida Arquiteto Vilanova Artigas, na zona leste de São Paulo, na noite de domingo, 9. Segundo a Polícia Militar, o motivo do ato foi o atropelamento de duas pessoas na região também na noite de domingo. As vítimas foram levadas para o Pronto Socorro São Mateus e, de acordo com a PM, ninguém foi preso.

Segundo a Via Sul Transportes Urbanos, empresa do ônibus que foi queimado, o coletivo seguia para a garagem e, por isso, só o cobrador e o motorista estavam no veículo. Nenhum dos dois ficou ferido.

Mais conteúdo sobre:
ViolênciaSão Pauloônibus

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.