Após 4 horas e meia, bandidos se rendem em Carapicuíba

Ao todo, criminosos faziam 7 pessoas da mesma família refém, na Grande São Paulo; alvo era dono de mercado

Solange Spigliatti, estadao.com.br

04 de agosto de 2008 | 10h40

Os dois bandidos que estavam mantendo uma família refém em Carapicuíba, na Grande são Paulo, se entregaram às 10h50, após conversarem com os advogados que chegaram para participar das negociações. Os criminosos, invadiram a casa por volta das 6h30 desta segunda-feira, 4, e mantiveram sete pessoas da mesma família reféns. Segundo informações da PM, os bandidos serão levados para a delegacia central de Carapicuíba. Ninguém ficou ferido.   Veja também: Criminosos invadem casa e fazem reféns em Carapicuíba Duas crianças que eram feitas reféns são liberadas em SP   Inicialmente, os bandidos libertaram duas meninas. As duas meninas, ainda não identificadas, foram libertadas em troca da presença de imprensa no local, uma das exigências dos pelos menos dois bandidos que tentaram assaltar o supermercado. Depois, outras duas mulheres foram liberadas. A polícia ainda não tem a identidade dos bandidos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.