Antigo Morro do Chá deu lugar ao Municipal

Até 1900, no lugar onde hoje está o Shopping Light, no centro, ficava a única casa de espetáculos de São Paulo, o Teatro São José. A cidade crescia rapidamente e os paulistanos queriam um teatro no mesmo estilo do que já se via ao redor do mundo, com capacidade para receber principalmente óperas. Em 22 de fevereiro de 1898, o Estado publicou um edital de concorrência pública "para construção de um theatro municipal", que seria erguido "com todas as exigências de luxo, elegância, acústica e segurança". Também deveriam constar no projeto "café, charutaria e restaurante de primeira ordem", discriminava.

O Estado de S.Paulo

08 de fevereiro de 2013 | 02h04

Enquanto os políticos e arquitetos cuidavam dos custos, locais eram cogitados - como as Praças João Mendes, da República e até o Largo São Francisco. Mas o terreno escolhido foi o Morro do Chá - desapropriado pela Câmara em 1903. O teatro, porém, só seria inaugurado em 1911, no dia 12 de setembro. Como ainda não era a época dos arranha-céus no centro (os Edifícios Sampaio Moreira e Martinelli seriam inaugurados na década seguinte), nada se interpunha na vista dali. / ROSE SACONI

História: Teatro inaugurado em 1911 atendia à necessidade paulistana de ter espaço no estilo dos internacionais

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.