Americana agredida no Rio tem alta

Agredida com pauladas na cabeça por um morador de rua na Barra da Tijuca, no Rio, em setembro, a pastora americana Renne Eliott Murdoch, de 44 anos, teve alta ontem do Hospital Copa D'Or. Renne foi submetida a três cirurgias para retirada de coágulos e recolocação de parte da calota craniana. Com dificuldades de fala, a pastora agradeceu a todos que rezaram por sua recuperação, considerada incomum pela equipe médica.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.