Marcio Fernandes
Marcio Fernandes

Alunos protestam no interior de São Paulo pela CPI da merenda

Mobilização cobrou apuração de suspeitas envolvendo fornecimento de alimentos na rede de ensino; ato foi pacífico

José Maria Tomazela, O Estado de S.Paulo

16 Maio 2016 | 18h22

SOROCABA – Alunos da rede estadual de ensino fizeram uma manifestação nesta segunda-feira, 16, em Americana, interior paulista, para cobrar a abertura da CPI da Merenda, na Assembleia Legislativa de São Paulo. Com faixas e cartazes com dizeres “Cadê a Merenda?”, os estudantes cobravam a apuração de supostos pagamentos de propina a agentes políticos para o fornecimento de alimentos à merenda escolar com preços superfaturados. 

O grupo com cerca de 120 pessoas se reuniu à frente da Escola Estadual Heitor Penteador e iniciou uma caminhada em direção à sede da Diretoria Regional de Ensino, na região central. Na passagem pela rua Duque de Caxias, uma das principais da cidade, os manifestantes sentaram no asfalto.

A manifestação, que teve a participação de estudantes de cidades vizinhas, como Nova Odessa e Santa Bárbara d'Oeste, terminou por volta de meio-dia. De acordo com a Polícia Militar, que não contabilizou o número de manifestantes, o ato foi pacífico. A diretoria de ensino informou que não há falta de merenda nas escolas da região e que recebeu uma comissão de alunos para ouvir as reivindicações.

Mais conteúdo sobre:
CPI Polícia Militar

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.