Alunos fazem campanha contra enchente

Usando luvas plásticas e carregando cartazes informativos sobre reciclagem, alunos do 3.º e 4.º anos da Escola Estadual Guerino Raso, no Belenzinho, zona leste, recolheram ontem o lixo jogado nas Ruas Serra da Bocaina e Siqueira Bueno, que ficam no entorno da escola.

O Estado de S.Paulo

24 Novembro 2011 | 03h05

Estudantes também plantaram mudas de azaleia nas calçadas e conscientizaram vizinhos, dizendo que "não é legal espalhar lixo nas calçadas", como explicou o aluno do 4.º ano Thiago Carvalho da Conceição, de 11 anos. "Não estamos brincando. Isso é muito sério", disse, com um saco de cem litros cheio de papel recolhido das calçadas.

A ação, chamada Morador Presente, foi uma iniciativa da presidente do Conselho de Segurança (Conseg) Brás, Mooca e Belenzinho, Wanda Herrero, cansada de ver as ruas do entorno do Largo Ubirajara alagarem. "É uma forma de educar as crianças e sensibilizar os adultos."

A ideia foi aprovada pela diretora da escola, Ana Lúcia Shinahara. "Eles aprendem muito mais quando colocam em prática o que viram em sala de aula", afirma. "Se você tomar um sorvete, não jogue o papel no chão. Guarde na bolsa e depois separe para reciclar. E aí você não deixa nossa rua alagar", disse a aluna Elen Cristina Ferreira Barbosa, de 10 anos, para uma mulher no ponto de ônibus. / CRISTIANE BOMFIM

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.