Reprodução
Reprodução

Aluno da FGV baleado está consciente, mas em estado grave, diz hospital

Jovem foi atingido por três disparos por dois homens que entraram no bar onde ele estava; amigo dele morreu

Marília Lopes, Central de Notícias

25 de fevereiro de 2011 | 10h01

SÃO PAULO - O estudante Christopher Akiocha Tominaga, de 24 anos, está consciente, segundo o boletim médico divulgado pelo Hospital das Clínicas (HC) na manhã desta sexta-feira, 25. Ele foi baleado quando estava em um bar próximo a Faculdade Getúlio Vargas (FGV), na Bela Vista, região central de São Paulo na noite de quarta. Tominaga permanece internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

 

Veja também:

link'Parecia uma rajada de metralhadora', diz vizinho de bar

 

Ele já respira sem a ajuda de aparelhos, mas seu estado de saúde ainda é considerado grave. O estudante ainda recebe acompanhamento clínico e cirúrgico. Ontem, ele foi submetido a uma cirurgia de cerca de 12 horas para retirada das balas. Tominaga foi atingido na região da barriga, rins e nas pernas.

 

O estudante, que cursa o quarto ano de administração na FGV, estava no bar com amigos na noite de quarta-feira quando criminosos atiraram em direção a ele e seu colega de curso, Júlio César Grimm Bakri, de 21 anos, que morreu antes de chegar ao hospital. A principal hipótese da polícia é que o crime foi encomendado. Nesta manhã foi realizada a cerimônia de cremação do corpo de Grimm, no Crematório da Vila Alpina, na zona leste de São Paulo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.