Aluna barrada em voo terá de ressarcir USP

A Universidade de São Paulo (USP) informou, em nota, que Thaís Buratto da Silva, de 24 anos, terá de devolver os R$ 5.393 gastos pela universidade com uma passagem aérea para Bali, na Indonésia. A brasileira, que participaria de um congresso naquele país, foi barrada no Aeroporto Internacional de Guarulhos em um voo da Qatar Airways, no domingo. Seu pai teria feito um comentário sobre terrorismo na fila do check-in. A USP informou ainda que ela receberá o diploma do curso de Gestão Ambiental.

O Estado de S.Paulo

27 de agosto de 2013 | 02h00

Tudo o que sabemos sobre:
AlunaterrorismoUSP

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.