Alckmin quer antecipar estações da Linha 4 em um mês

Segundo governador, paradas Luz e República devem ser entregues em setembro

Circe Bonatelli, Agência Estado

27 de junho de 2011 | 15h58

SÃO PAULO - O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), afirmou nesta segunda-feira, 27, que o governo pretende antecipar a entrega das Estações Luz e República da Linha 4 - Amarela do metrô. Segundo Alckmin, a entrega deve ser antecipada de outubro para setembro. "A Linha 4 é importantíssima pela integração", comentou.

Alckmin lembrou que a Estação Luz fará a integração com o eixo norte-sul do metrô, enquanto a Estação República, com a linha leste-oeste. Além disso, a Estação Paulista fará integração com a Linha 2 - Verde e a Estação Pinheiros liga o metrô à rede da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM). "No futuro, a Estação Morumbi fará a integração com o monotrilho, até o Aeroporto de Congonhas", na zona sul da capital paulista, acrescentou o governador.

Ele também anunciou hoje a ampliação do funcionamento da Linha 4 a partir de quarta-feira, mas não detalhou quais serão os horários. "O metrô vai detalhar os horários", se limitou a dizer. A concessionária Via Quatro, que administra a linha, confirmou que o funcionamento deve ser estendido na quarta-feira, mas disse a Companhia do Metropolitano de São Paulo (Metrô) ainda não definiu o horário exato. Atualmente a linha funciona das 4h40 às 15h.

BID. Ao lado de Luis Moreno, presidente do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), durante fórum da entidade, Alckmin ainda elogiou a instituição pelas parcerias com o governo de São Paulo para a Linha 4 do metrô, investimentos em saneamento básico, despoluição de rios e financiamento do Trecho Norte do Rodoanel Mário Covas. "O BID é essencial para as obras de infraestrutura de São Paulo, pelos financiamentos de longo prazo com juros pequenos", explicou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.