Alckmin autoriza obras do monotrilho do metrô

Obras irão interditar trecho da Avenida Jornalista Roberto Marinho, a partir de domingo, 1

estadão.com.br,

29 Março 2012 | 20h03

SÃO PAULO - O governador Geraldo Alckmin autorizou nesta quinta-feira, 29, o início das obras do monotrilho da Linha 17-Ouro. A linha, que terá 17,7 km de extensão e 18 estações, deve ficar pronta em 2015.

Para a construção da linha, uma faixa da Avenida Jornalista Roberto Marinho, no Brooklin, zona sul da cidade, ficará fechada por cerca de 24 meses. A linha será operada por meio de monotrilho e fará a ligação do Aeroporto de Congonhas com a rede metroferroviária da capital.

Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), a interdição será feita junto ao canteiro central, no sentido Marginal, entre as ruas Constantino de Souza e Princesa Isabel, a partir das 17h do próximo domingo, 1. Os veículos que trafegam pelo trecho em obras da avenida serão desviados à direita para as outras quatro faixas de rolamento da via.

Protesto. Moradores da região protestaram no dia 26 deste mês contra a obra do monotrilho. Eles alegam que o trem suspenso a 15 metros teria efeito semelhante ao do Minhocão, na região central, e deterioraria o bairro. Para a construção da linha que ligará o bairro ao Jabaquara e ao Aeroporto de Congonhas, 51 imóveis serão desapropriados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.