Agente da PF é preso acusado de extorsão

A Corregedoria da Polícia Civil prendeu o agente federal Ricardo Lappo em flagrante, sob a acusação de tentar extorquir R$ 2 milhões de um comerciante paulistano. Outros dois federais teriam participado do crime, mas não foram presos. O grupo usou uma picape L200, da Polícia Federal (PF). Eles foram à empresa do comerciante, na Rua Augusta, no centro, afirmando que tinham um dossiê contra a vítima.

O Estado de S.Paulo

21 de agosto de 2013 | 02h01

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.