Adutora é perfurada e 70 mil são afetados em São Bernardo do Campo

Acidente aconteceu em meio a obra da Secretaria de Transportes; 25 metros da tubulação terão que ser substituídos

Sara Abdo, O Estado de S.Paulo

24 Agosto 2017 | 11h32
Atualizado 24 Agosto 2017 | 19h20

Uma adutora foi perfurada acidentalmente em meio a obras da Secretaria de Transportes de São Bernardo do Campo, na grande São Paulo, no início da noite de quarta-feira, 23. Com o incidente, a estrutura de abastecimento de água potável precisou ser fechada. Segundo a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp), que está fazendo a reparação da estrutura, cerca de 70 mil pessoas podem ser afetadas. Os registros continuam fechados e há o risco de moradores ficarem sem água.

Na obra do incidente, na avenida João Firmino, está sendo construido um corredor de Transporte Coletivo. A perfuração ocorreu na passagem do duto de tecnologia da informação para semáforos e câmeras. A adutora perfurada tem 800 mm, e foi atingida a 5 metros de profundidade.

Em nota, a prefeitura de São Bernardo do Campo afirmou que será investigado se a estrutura estava em um local não correspondente no cadastro ou se a empreitera Souza Compec Engenharia e Construções, contratada para a obra, cometeu uma falha. "Será feita rigorosa averiguação e serão aplicadas punições correspondentes ao que for constatado".

A população em torno do reservatório Alvarenga deve ser a  sejam as mais afetadas. "Quem não tiver reserva na caixa d'água deve sofrer com a falta ou intermitência de abastecimento", noitificou a Sabesp.  A companhia também informa que está fazendo manobras para abastecer a região de outra maneira. 

Os trabalhos de reparação estão sendo feitos desde a noite de quarta-feira, e as obras devem ser finalizadas apenas na sexta, 25. A Sabesp precisará substituir 25 metros da tubulação danificada.

Até o final da manhã desta quinta, o abastecimento de água potável estava prejudicado nos bairros: 

Bairro Alves Dias, Bairro Assunção, Bairro Cooperativa, Bairro dos Casa (parte), Bairro Nosso Lar, Bairro Independência, Bairro Senhor do Bonfim, Conjunto Habitacional Granja Ito, Jardim Bela Vista, Jardim Belita, Jardim Brasilândia, Jardim Campestre, Jardim Clarice, Jardim Cláudia, Jardim Colonial, Jardim Continental (parte), Jardim Esmeralda, Jardim do Imperador, Jardim Las Palmas (parte), Jardim Laura I e II, Jardim Marina, Jardim Nova América, Jardim Nova Patente, Jardim das Oliveiras II, Jardim das Orquídeas, Jardim Primavera, Jardim Santa Maria, Jardim Serro Azul, Jardim Thelma, Jardim Uenoyama, Jardim Via Anchieta, Parque Alvarenga, Bairro América do Sul, Parque das Garças, Parque Esmeralda, Parque Hawai, Parque Jandaia, Parque dos Pássaros, Parque São José, Parque Silvaplana, Núcleo João de Barro, Núcleo São Jorge, Núcleo Habitacional Rio de Janeiro, Vila Alves Dias, Vila Beatriz, Vila Carminha, Vila Cruzeiro, Vila dos Químicos, Vila Flora, Vila Ferreira, Vila Novo Horizonte I e II, Vila Rosa Cruz, Vila Santa, Vila Sônia Maria, Vila União e Vila Vitória. 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.