Adolescentes são condenados por apelido dado a colega

Jovens de 15 anos vão prestar serviços semanais à comunidade por chamar uma colega de 'Bode'

Brás Henrique, estadao.com.br

16 de outubro de 2008 | 17h17

Dois adolescentes de 15 anos, de classe média, foram "condenados" a prestar serviços semanais à comunidade, durante seis meses, por terem chamado uma colega de "Bode" no início do ano. A decisão, um "acordo" para encerrar o processo, segundo a mãe de um dos jovens, foi do juiz da Vara da Infância e da Juventude, Paulo César Gentile, na terça-feira (14).   Essa mãe disse que ocorreu um engano em relação ao apelido, mas que prefere deixar a história de lado e esquecer isso. Os garotos vão esperar as determinações judiciais por correio, senão teriam que ficar três meses na Fundação Casa, segundo informação da mãe. O pai da menina ofendida até agrediu um dos meninos dentro da escola após o episódio, no começo deste ano.

Tudo o que sabemos sobre:
ribeirão pretoapelido

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.