Adolescentes de SP matam taxista no Rio

Um casal de adolescentes de São Paulo foi apreendido em flagrante no Rio, na noite de anteontem, acusado de matar um taxista na Linha Amarela, na zona oeste. Segundo a Polícia Militar, os dois, de 17 anos, foram detidos ainda no táxi e confessaram ter matado o motorista, Ercule Castro Silveira, de 58 anos. Com os suspeitos foram encontradas duas cápsulas de cocaína. Segundo a polícia, a vítima morreu por espancamento, mas também havia sinais de que ele foi asfixiado com a alça da bolsa da adolescente.

O Estado de S.Paulo

08 de setembro de 2012 | 03h01

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.