André Gonçalves/Foursquare/Reprodução
André Gonçalves/Foursquare/Reprodução

Adolescentes algemam agentes e fogem da Fundação Casa

Menores ainda roubaram vítimas antes de escapar de van; caso aconteceu após deixarem unidade para um jogo de basquete

Rene Moreira, Especial para o Estado

28 de abril de 2016 | 11h45

Adolescentes infratores algemaram agentes e fugiram de van da Fundação Casa, no interior de São Paulo, na tarde desta quarta-feira, 27. Eles haviam saído de Taquaritinga para participar de um campeonato de basquete em Batatais. 

Segundo testemunhas, ao final, com as meias usadas para disputar a partida, aplicaram uma "gravata" e renderam os funcionários. Quatro ficaram amarrados com cadarços ou algemados, e seis internos fugiram em seguida.

Ao todo, dez adolescentes foram transportados para a competição esportiva, mas quatro ficaram no veículo. Eles teriam ajudado a soltar o motorista e os agentes, que ainda tiveram dinheiro e objetos de valor, como celulares e alianças, levados pelos fugitivos.

A ação aconteceu na Rodovia Carlos Tonani (SP-333), próximo ao trevo de Jaboticabal, onde um dos um dos internos assumiu a direção do veículo, que foi abandonado pouco depois. Como estavam com os olhos vendados, os agentes alegaram não ter visto a direção tomada pelos fugitivos.

Investigação. A Corregedoria-Geral da Fundação Casa informou ter instaurado sindicância para apurar as circunstâncias da fuga dos seis infratores, que cumpriam medida socioeducativa em Taquaritinga e que a Polícia Militar faz buscas na região, mas que "até o momento, nenhum jovem foi recapturado".

Aqueles que forem apreendidos novamente passarão por uma Comissão de Avaliação Disciplinar (CAD) e "poderão sofrer sanções disciplinares, que vão da redução do tempo de visita à suspensão de atividades externas".

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.