Corpo de Bombeiros
Corpo de Bombeiros

Adolescente morre e outro fica ferido após serem atingidos por raio em Ilhabela

Uma das vítimas chegou a ficar desacordada, mas recuperou a consciência e acionou o Corpo de Bombeiros

Marina Dayrell, O Estado de S.Paulo

21 de janeiro de 2019 | 09h43

Um adolescente de 17 anos morreu após ser atingido por um raio, na noite do último domingo, 20, em Ilhabela, litoral-norte de São Paulo. Outro jovem da mesma idade que estava com ele foi atingido e chegou a ficar desacordado, mas recuperou a consciência.

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, os adolescentes estavam acampados no Pico do Baepi, um dos pontos mais altos de Ilhabela. Após receber uma descarga elétrica provocada pelo raio e ficar desacordado, o sobrevivente conseguiu acionar os Bombeiros.

Sete agentes participaram da operação. Ao chegar ao local, confirmaram um óbito e resgataram a outra vítima em estado de hipotermia e formigamento nos braços. O jovem foi encaminhado ao Pronto-Socorro de Ilhabela e seu estado de saúde é estável.

A trilha do Pico do Baepi tem 1.048 metros de altitude e é conhecida por ser bastante íngreme. Segundo o Corpo de Bombeiros, o tempo médio para percorrê-la é de quatro horas, mas os agentes conseguiram chegar ao local na metade do tempo estimado.

Tudo o que sabemos sobre:
Ilhabela [SP]raio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.