Acusado de matar universitário no Itaim é solto

No último dia 9, a Polícia Militar prendeu em flagrante o analista de crédito Raphael Reis Carvalho, de 20 anos, após ele se envolver na morte do universitário Igor Salvetti Caleman, de 22, na porta de uma casa noturna na Rua Tabapuã, no Itaim-Bibi, zona sul. Os dois discutiram por causa de uma mulher.

, O Estado de S.Paulo

19 Janeiro 2011 | 00h00

Na semana passada, Carvalho foi solto após autorização da Justiça. Seu advogado não foi localizado. Segundo a polícia, ele usou um copo quebrado para atingir Caleman, que morreu no Hospital São Luiz. O rapaz era filho do diretor administrativo da Faculdade de Medicina de Marília (Famema), Gilson Caleman.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.