Acusado de matar turista argentino no Rio é preso em SP

Empresário é acusado de executar um turista argentino em fevereiro deste ano, em Búzios

Marcela Gonsalves, Central de Notícias

29 Março 2011 | 20h09

SÃO PAULO - O empresário Carlos Alberto Gomes de Jesus, acusado de executar um turista argentino em 26 de fevereiro na cidade de Búzios, Rio de Janeiro, foi preso na tarde desta segunda-feira, 28. Ele foi encontrado por agentes da Polícia Civil em uma pensão em Perdizes, zona oeste de São Paulo.

Os policiais apuravam informações sobre um fugitivo do Rio de Janeiro que ocuparia uma vaga em uma pensão na rua Turiaçu. A equipe obteve fotografia para fazer a identificação visual e Jesus foi flagrado quando deixava o local. No quarto da pensão foi encontrado um revólver calibre 38. Questionado sobre a arma, Jesus alegou tê-la tomado de um dependente químico durante um passeio na cracolândia. Ele acabou sendo autuado por porte de arma.

Mais conteúdo sobre:
morte turista Argentina prisão SP rio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.